quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Quando você acha que já viu de tudo ...

Modelo se nega a amamentar o filho e diz que peitos são só para sexo

'Eles são uma coisa sexual para mim', disse a britânica Nicola McLean.
Ela afirmou que não se sentiria sexy se tivesse amamentado seu filho.

A modelo britânica Nicola McLean disse que não amamentou seu filho Rocky, de três anos, porque seus peitos são apenas para sexo com seu marido, segundo reportagem do tabloide inglês "The Sun".

"Eles são uma coisa sexual para mim, e não quero Rocky mamando neles",  afirmou ela.

Ela destacou que, se amamentasse Rocky, não seria capaz de fazer sexo com seu marido, o jogador de futebol Tom Williams, e de se sentir sexy.

Nicola McLean afirmou ainda que não gostava da ideia de ver seu filho se alimentando em seus seios.


Gente isso só pode ser sinal dos fins dos tempos como diz minha mãe !!!!!

A ignorância e falta de informação do ser é digno de pena.


Sou hiper, mega, master, super a favor do aleitamento materno, esse ato de amor que salva vidas !!!



O leite materno é uma das fontes de alimento mais importantes para o bebê. È nele que a mãe passa involuntariamente os anticorpos para que a criança mantenha a saúde até que ela ganhe mais resistência.
Muitas mães param de amamentar seus filhos muito cedo, e passam a dar o leite convencional (de vaca ou de cabra). Com isso, a criança pode apresentar doenças e complicações de formação.
Há casos de mães que não conseguem amamentar, por causa de alguma deficiência na produção dos hormônios responsáveis pela produção de leite. Mas para esses casos, há nos hospitais e maternidades, alas especiais para doações de leite materno, onde outras mães que possuem uma produção de leite excedente possam doar para as mães com baixa ou nenhuma produção de leite.
O correto seria amamentar os filhos até os dois anos de idade, mas pela falta de paciência, e muitas vezes de tempo, as mães vem cortando a amamentação cada vez mais cedo.

Fonte: blogers

Mudando de assunto :






 " O céu é meu teto; a terra é minha patria e a liberdade é minha religião"

Viva Santa Sara, Viva o povo do oriente, Viva cigana Sulamita e todas as ciganas e ciganos do espaço...eu amo esse povo!

 Sou cigana de alma e coração...já descobri que fui cigana em outras vidas, foi através da psicografia da doce vovó Maria Conga, doce e envolvente com suas lindas histórias, já nos ajudou a entender um pouco a vida hoje aqui neste plano, através dela pude perdoar algumas pessoas e procurar resgatar alguns erros do passado, fácil não é, a fé, o perdão, a paciência é um exercício diário.

Assim como a gente tem um tempo reservado para cada uma das nossas atividades, temos que reservar um espaço para Deus, para meditação, para avaliar nossos erros e acertos.
Os balanços morais, sociais, familiares, não devem ser feitos apenas no final do ano quando a gente faz aquela famosa listinha de superação pro ano seguinte, deve haver uma dedicação diária, assim fica mais fácil a gente digerir nossos pontos fracos e as falhas alheias, não acumulando mágoa, tristeza, angústia etc...
Viva Leve, viva plenamente feliz, viva o hoje, porque amanhã...somente a Deus pertence...

#pronto postei !!!!






Um comentário:

  1. Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

    Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.
    É muito importante, tanto para o bebê como para a mãe, amamentar até os dois anos de idade ou mais. O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.
    Acontece que nem todas as mães sabem de todos os benefícios e deixam de amamentar mais cedo. Você pode ajudar nessa campanha divulgando materiais e informações.
    Caso se interesse pelo tema, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br e participe!

    Atenciosamente,
    Ministério da Saúde.

    ResponderExcluir